Portal Eletrolar.com

Notícias

Mappin estreia site neste mês e prepara loja física

Família dona da Marabraz vai remodelar a marca falida em 1999

Fundada em 1913 e falida em 1999, a marca Mappin volta ao mercado no próximo dia 10. Por ora, apenas no formato de comércio eletrônico, mas já tem planos para a abertura de uma loja física.

A unidade fica pronta em 2020, de acordo com os planos dos empresários Abdul e Nader Fares, que também são sócios da Marabraz. A dupla procura uma localização em São Paulo. Um dos pontos estudados fica nas proximidades da marginal Pinheiros.

A loja física terá produtos da marca. Na lista, cama, mesa e banho, utilidades domésticas, móveis, iluminação e outros. Outros vendedores poderão ter áreas de venda na unidade, como uma loja de departamentos. O jingle emblemático será resgatado.

A princípio, o ecommerce do Mappin terá 15 mil itens à venda. A despeito dos mais de cem anos, a marca vai operar como os varejistas de peso da atualidade, ou seja, também terá marketplace (diferentes vendedores em um espaço virtual). O marketplace estreia ainda neste ano e terá mais de 500 mil itens.

Haverá a linha de móveis exclusiva Mappin com o que os empresários chamam de “itens inteligentes”, também conhecidos como multiuso: armário que vira mesa, gaveta que vira estante.

Ressuscitar o Mappin é um projeto iniciado há anos quando os donos da Marabraz compraram a marca por R$ 5 milhões. Em tecnologia para a operação online investiram mais R$ 4 milhões.

 

Fonte: Folha de S.Paulo

publicidade