As expectativas para o fechamento do ano

José Jorge do Nascimento, presidente da Eletros

A quatro meses do fechamento do ano, da forma mais realista possível, achamos que 2019 apresentará desempenho de 5% a 10% superior ao do ano passado. Poderia ser um número maior, pelo menos era essa nossa expectativa. Mas é preciso reconhecer também que aos poucos a economia vai encontrando seu caminho de retomada. Para o período do final do ano, temos alguns bons motivos para estar animados. Afinal de contas, essa é a melhor parte do exercício para as vendas.

Tivemos como impulsionadora para essa arrancada a Eletrolar Show, muito bem organizada e com participação expressiva de nossos associados. Nos deu muito orgulho passear pelo evento e verificar, nas conversas que tivemos, que vivemos um momento de renovação de expectativas.

Além da Eletrolar Show, temos pela frente alguns fatores que devem fazer com que as vendas sejam positivas daqui em diante. Há o pagamento da primeira metade do 13º aos aposentados, o abono do FGTS, o saque do PIS-Pasep por aqueles que têm direito, o movimento em torno da Semana do Brasil, a realização da Black Friday, o 13º de todos os empregados e o Natal, nossa melhor data comercial. Sem contar a redução dos juros dos financiamentos imobiliários, anunciada pela Caixa, que representa novas moradias e novos eletrodomésticos.

Todos esses pontos, bastante positivos, podem dar impulso às compras por parte do consumidor. Além desses fatores tangíveis, há os que mexem com as expectativas, como a esperada aprovação da Reforma da Previdência, o início das discussões da Reforma Tributária, a aprovação da MP da Liberdade Econômica. São fatores que implicam maior confiança de todos na economia e na sua estabilidade e que podem determinar novos investimentos e a geração de postos de trabalho.

Por tudo isso, estou com uma visão muito positiva a respeito do futuro. Aos poucos, a economia está voltando a crescer de forma vigorosa, e os níveis de emprego estão sendo retomados. Queremos entrar em 2020 com outro cenário, sentir que deixamos a crise definitivamente para trás.

 

Fonte: Revista Eletrolar News ed. 132

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários