Portal Eletrolar.com

Notícias

Vendas do comércio caem 0,4% em outubro, diz o IBGE

Com o resultado, o varejo cresceu 2,2% no acumulado do ano e 2,7% em outubro

As vendas do comércio caíram 0,4% em outubro, na comparação com o mês anterior, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na quinta-feira, 13.12. Com o resultado, o varejo cresceu 2,2% no acumulado do ano.

Na comparação com setembro, cinco das oito atividades registraram recuo em outubro. O mais forte foi de livros, jornais, revistas e papelaria, com retração de 7,4%. Além deste grupo, também tombaram móveis e eletrodomésticos (-2,5%), tecidos, vestuários e calçados (-2%), combustíveis e lubrificantes (-1,2%) e equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (-0,8%).

Na contramão, subiram hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (0,3%), outros artigos de uso pessoas e doméstico (0,7%) e artigos farmacêuticos, médicos ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (0,9%).
Levando em consideração o comércio varejista ampliado — que inclui as atividades de veículos, motos, partes e peças e de material de construção —, o varejo recuou 0,2%. No ano, cresceu 5,3%. Já em 12 meses a alta é de 5,7%.
O grupo de veículos, motos, partes e peças ficou estável (0,1%), enquanto material de construção subiu 1,3%, ambos, respectivamente, após recuos de 0,1% e 1,5% no mês anterior.
De acordo com o IBGE, há uma recuperação lenta do setor. A gerente da pesquisa, Isabella Nunes, afirma que o comércio teve uma perda de fôlego, com dois resultados negativos mensais seguidos. “Está mais distante do melhor ponto, que foi outubro de 2014.  Nada disso tira o comércio da tendência de recuperação, mas de forma gradual. O setor praticamente repetiu o resultado do mês anterior”, disse.

Fonte: Correio Braziliense

publicidade