Portal Eletrolar.com

Notícias

Unidade de memória garante bom semestre da Toshiba

As receitas e o lucro operacional do grupo japonês mais que duplicaram graças à unidade de memória

O bom desempenho da Toshiba Memory Corporation (TMC), a segunda maior produtora mundial de chips de memória flash Nand e a divisão mais valiosa da Toshiba, fez com que o grupo Toshiba duplicasse a receita e o lucro operacional no seu primeiro semestre fiscal. Mas como o grupo vem enfrentando severas perdas, em função da falência da sua subsidiária norte-americana da área nuclear, deverá fechar o ano com prejuízo, a não ser que concretize a venda justamente da sua unidade de memórias por US$ 18 bilhões.

A imensa demanda de chips de memória para dispositivos móveis tem sustentado ganhos recentes para fabricantes como Samsung, SK Hynix e, agora, Toshiba, e deverá gerar as receitas da indústria de semicondutores neste ano, passando US$ 400 bilhões pela primeira vez.

A TMC foi a principal responsável pelo grupo Toshiba ter reportado hoje, 9, lucro operacional e receita no primeiro semestre fiscal, encerrado em 30 de setembro, que mais dobraram, para ¥ 2,38 trilhões (US$ 2 bilhões) e ¥ 231,8 bilhões, respectivamente. Mas o resultado líquido foi de perda de ¥ 49,8 bilhões no período, em função das perdas acumuladas com a falência da Westinghouse.

Para sair do buraco e não ser obrigada a sair da bolsa de Tóquio, a Toshiba concordou em vender a unidade de memórias para um consórcio de empresas liderado pelo Bain Capital, que inclui Apple, Dell e a rival coreana SK Hynix. Também a Toshiba participa do consórcio, chamado Pangea, com investimento de ¥ 350,5 bilhões.

Fonte: TeleSíntese

publicidade