Portal Eletrolar.com

Notícias

Poupança tem captação de R$ 5,64 bi em junho

Em 12 meses até junho, os depósitos líquidos somam R$ 36,767 bilhões


A caderneta de poupança teve captação líquida de R$ 5,639 bilhões no mês de junho, segundo dados divulgados pelo Banco Central. No primeiro semestre, os depósitos superaram os saques em R$ 7,350 bilhões, ante um saque líquido de R$ 12,290 bilhões em igual período do ano passado. Em junho de 2017, os depósitos superaram os saques em R$ 6,090 bilhões.

Em 12 meses até junho, os depósitos líquidos somam R$ 36,767 bilhões, aumentando em relação aos R$ 31,420 bilhões nos 12 meses até maio. Em 2017, a poupança encerrou com depósito líquido de R$ 17,126 bilhões, vindo de uma perda líquida de R$ 40,702 bilhões em 2016.

O desempenho da poupança continua sendo afetado pelos altos índices de desemprego no país, num contexto de juros básicos da economia na mínima histórica, em 6,5% ao ano.

A captação líquida positiva do mês se soma ao rendimento de R$ 2,81 bilhões, resultando em um aumento do patrimônio total da poupança de R$ 740,640 bilhões em maio para R$ 749,089 bilhões no mês passado, novo recorde da série iniciada em 1995.

Com isso, a poupança passa a registrar aumento de patrimônio de R$ 24,485 bilhões em 2018. Em 2017, o patrimônio aumentou em R$ 59,611 bilhões.

Em junho, as instituições financeiras que aplicam recursos da caderneta em crédito imobiliário mostraram captação líquida de R$ 3,902 bilhões (SBPE). E as instituições que destinam os recursos para o crédito rural registram entrada líquida de R$ 1,736 bilhão (SBPR).

Fonte: Valor Econômico

publicidade