Portal Eletrolar.com

Notícias

Mais indústrias investiram em 2017

76% das empresas fizeram algum tipo de investimento, maior resultado desde 2014


Com a retomada, ainda que lenta, do crescimento econômico, a indústria brasileira voltou a investir. É a conclusão da pesquisa “Investimento Anual”, da Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgada em 23 de maio.

De acordo com a CNI, 76% das empresas investiram em 2017, melhor resultado desde 2014, quando foi de 81%. Em 2016, a proporção foi de apenas 67%. A pesquisa também informa que 47% das empresas realizaram investimentos como tinham planejado, o maior percentual desde 2012 (57%). “Isso confirma a retomada gradual da economia”, avalia o gerenteexecutivo de Política Econômica da CNI, Flávio Castelo Branco.

O principal investimento feito pelas indústrias em 2017 foi a compra de máquinas e equipamentos, com 64% das respostas. Compra de novas tecnologias, incluindo automação, veio em segundo lugar, com 14%. Em terceiro lugar está a melhoria da gestão do negócio, com 7%.

A pesquisa mostra ainda que 75% do investimento foram feitos com recursos próprios, o que denota a dificuldade de as empresas obterem crédito. Empréstimos foram a fonte de recursos em apenas 10% dos casos, o menor percentual desde 2010. “Como a rentabilidade das empresas ficou comprometida pela crise, a falta de fontes de financiamentos limita os investimentos do setor”, diz a CNI.

Quanto a 2018, a pesquisa mostra que 81% das grandes indústrias pretendem investir, o melhor resultado desde 2014. “A compra de máquinas e equipamentos, com 60% das menções, será o principal investimento no ano. Em seguida, com 18% das respostas, está a aquisição de novas tecnologias.

Ao todo, 632 empresas de grande porte, com 250 ou mais empregados, responderam a pesquisa, entre os dias 24 de janeiro e 19 de março deste ano.

Fonte: Valor Econômico

publicidade