Portal Eletrolar.com

Notícias

Impulsionado por SaaS, mercado de TI deve chegar a US$ 3,8 trilhões em 2019

Estimativa é de crescimento de 3,2% em relação e 2018


O mercado global de Tecnologia da Informação (TI) somará o valor de US$ 3,8 trilhões em 2019, crescimento de 3,2% em relação a 2018, segundo previsão do Gartner.

Os mercados de software empresarial e de serviços de TI estão liderando, com números que revelam uma mudança de sistemas proprietários para o uso como serviço, explicou John-David Lovelock, vice-presidente de pesquisa do Gartner.

“O que isso sinaliza, por exemplo, é o uso mais empresarial de serviços em nuvem – em vez de comprar seus próprios servidores, eles estão se voltando para a nuvem. À medida que as empresas continuam seus esforços de transformação digital, a mudança para ‘pagar pelo uso’ continuará. Isso leva as empresas a lidar com a mudança rápida e sustentada que ressalta os negócios digitais”, comentou o analista.

Entre os dados do Gartner, estão:

– Estima-se que os gastos mundiais com TI totalizem US$ 3,8 trilhões em 2019, um aumento de 3,2% em relação aos gastos esperados de US$ 3,7 trilhões em 2018.

– Os gastos com software corporativo devem apresentar o maior crescimento, com um aumento de 8,3% em 2019.
– Serviços de comunicação como o MPLS e outros serviços de WAN atingirão US$ 1,4 trilhão em 2018.

– Os serviços de TI serão um fator-chave para os gastos com TI em 2019, quando o mercado deverá atingir US$ 1 trilhão, um aumento de 4,7% em relação a 2018.

– Software como serviço (SaaS) está impulsionando o crescimento em quase todos os segmentos de software, particularmente no gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM). O software na nuvem crescerá mais de 22% este ano, comparado a 6% de crescimento para todas as outras formas de software. Embora os aplicativos centrais, como ERP, CRM e gerenciamento da cadeia de suprimentos, continuem a obter a maior parte dos dólares, segurança e privacidade são de particular interesse no momento.

– Os gastos com data centers devem crescer 6% em 2018, impulsionados por um forte mercado de servidores que registrou crescimento de gastos de mais de 10% no ano passado e em 2018, com crescimento de 5,7%.

– Os gastos mundiais para dispositivos – PCs, tablets e celulares – devem crescer 2,4% em 2019, atingindo US$ 706 bilhões, acima dos US$ 689 bilhões em 2018. A demanda por PCs no setor corporativo tem sido forte, impulsionada pelas atualizações de hardware do Windows 10 isso deve continuar até 2020.

O Gartner divulgou sua pesquisa global anual de CIOs, que revelou, entre outras coisas, que a “transformação em negócios digitais é apoiada pelo crescimento constante do orçamento de TI”.

“Os CIOs devem usar seus recursos financeiros para tornar 2019 um ano transformador para seus negócios. Mantenha-se ativo nas discussões de transformação e invista tempo, dinheiro e recursos humanos para remover quaisquer barreiras à mudança “, disse Andy Rowsell-Jones, vice-presidente e analista do Gartner.” As empresas que ficaram para trás no negócio digital agora terão que lidar com uma séria desvantagem competitiva no futuro ”, completou.

Os CIOs e os líderes de TI responderam quais tecnologias eles esperam que sejam mais prejudiciais. A inteligência artificial (IA) era de longe a tecnologia mais mencionada e toma o lugar como a principal tecnologia.

Fonte: Computerworld

publicidade